Focaccia caseira

Leia mais

Receita de torta bancos

Leia mais

Receitas Chupe de Camarones e Pastel de Choclo

Leia mais

Receita de frango agridoce

Leia mais
Drinks

Cerveja: aprendizados e descobertas

Por em 28 de janeiro de 2018

Para mim é difícil escrever sobre o assunto, vez que não é dos meus amores principais.

Peço sempre aos colaboradores mais experientes que me ajudem no tema.

Mas não há como ter um Blog sobre gastronomia sem se dedicar um pouco ao tema.

Visitei recentemente o museu da cerveja em Praga. A bebida, não remonta só historicamente ao Egito, mas representa uma economia mundial incrível e é um estilo de vida. Os tchecos são o povo que mais consome per capita, apesar de a Alemanha também ter um volume impressionante. O Brasil, os EUA e a China chegam no topo por conta de quantidade de pessoas.

Mas houve momentos em que a cerveja me apaixonou.

Na minha lua de mel provei as de cereja Kriek e maçã em Brugges – uma cidade linda, encantadora, com os melhores waffles do Mundo! Vendidos em carrocinhas, chocolates e cerveja. (também visitamos uma fábrica de cervejas e quase perdi o marido, pois o tour terminava com um terraço sem proteção para quedas…). Os Belgas sabem Viver.

No Rio, tenho que confessar que a primeira vez que eu me rendi foi no pequeno e poderoso Brasserie Brejauvas “Ok, o bar venceu, batata frita”. On The rocks, de frutas vermelhas, a Leffmans também veio direto da Bélgica. O dono do Brejaúvas me ganhou com o “se você não gostar, eu bebo”. Por princípio, eu provei – e curti -parece uma caipira sem tanto doce. Indo lá, não deixe de comer duas coisas: o calzone que acho o melhor do Rio e a palha italiana quente. De rezar!

O Pessoal da W-Katzz lançou em 2017 uma escura que logo foi para o Mondial de la Bièr que achei especialíssima. Toques doces e com personalidade, o lançamento no Leblon me fez rever o conceito cerveja em lata escura.

No estilo Burger + Chope, acho que Caveira, o Escondido, CA e o Lupulino merecem destaque.

O Escondido veio primeiro. Têm uma carta vastíssima e tinha um hambúrguer de lagosta que era sensacional com uma maionese de wasabi.

O Caveira com jeito irreverente e dois hambúrgueres especiais no dia para mim são campeões na combinação de pães e recheios variados.

O Lupulino também tem uma grade bem ampla de opções e o melhor veggie burguer de cogumelos que conheço.

Enfim, começo sobre cervejas, termino falando de comida…. 

O que dizer? Ainda tenho o que aprender!

Leia mais

Gastronomia

Vintage Wine Bar – O prazer da gastronomia carioca

Por em 23 de janeiro de 2018

Admiração. Dá gosto de ver como a equipe do  sabe trabalhar.

Atendimento com cortesia, educação, sugestões boas de comida e bebida e ambiente gostoso com música ambiente ou ao vivo.

Na minha segunda visita começamos por rolls com pesto de coentro e pedi a pimenta especializada da casa que é das minhas preferidas (tenho coleção). Ganhei mais um potinho para levar para casa de pidona que eu sou!!!

Para harmonizar com a entrada, fomos brindados com uma taça de Sauvignon Blanc Chileno da Garzon muito elegante e refrescante.

Encaminhando para a o principal, meu magret com aligot de baroa estava com um ponto “puxa-puxa” de você lamber cada pedacinho com felicidade.

O risoto de banana da terra que acompanha o dourado foi algo que nunca tinha visto antes e estava de um sabor e textura incríveis.

Um Belíssimo Chardonnay Tabali Reserva Especial 2015 nos escoltou alegres pela refeição e eu realmente me encantei com o vinho comprado e a preço de loja (entrada do restaurante).

Digo e repito que devem conhecer.    

Ah, o cardápio irá mudar depois do carnaval e vou provar!!!

Obrigada Marilia, Sandro e Equipe. Vocês realmente mostram que vale a pena erguer a bandeira da gastronomia carioca.

Leia mais

Gastronomia | Viagens

Abram Alas Pro Peru!!!

Por em 16 de janeiro de 2018

Minha primeira visita foi uma surpresa, a segunda um encontro de amor.

Não imaginava que ia gostar tanto (e olha que já amava ceviche!).

Já curtia a comida peruana e fui ser madrinha de casamento.  Além de adorar os pontos altos de Lima (sei que tem muita pobreza também), a comida lá é um desbunde!

Sejam as ceviches, o pisco – ah o pisco! – os pratos típicos com arroz e carnes variadas, o coração de boi no espeto…. tudo é um espanto em termos de alquimia!

Para escrever o livro do Companheiros da Boa Lembrança, minha mãe visitou o Peru e eu fui atrás de conhecer as milhares de espécies de batata e milhos coloridos. Nunca se viu variedade maior. Do suco, puré, doces… se misturam com peixe, carne – com leveza ou sustância.

E a cultura Inca é riquíssima! Astrologia, arquitetura, harmonia com a natureza e cultura de plantações

O povo? simpático, alegre, colorido…. (mas em Lima, deve-se tomar cuidado por onde andar e como pegar taxi – não há controle maior).

E Cuzco?! Nossa! Cuzco é muito mais do que a vista e a energia contagiante quase mística. É uma explosão de sabores e cores! Visitamos fabricação de lã em uma vila onde as mulheres trabalhavam como cooperadas e faziam todas aquelas roupas coloridas a partir destas plantas naturais!!!

 

Dicas de Cuzco:

Cuidado ao chegar. A altura faz uma grande diferença. Não caminhe ou beba no primeiro dia. Tome chá de coca, coma leve e descanse.

Atrações:

Passeio pela Plaza de las Armas – visite as igrejas e ronde a cidade. Cada coisa mais fofa!

Vale Sagrado e Sítio Arqueológico de Ollantaytambo – impressionante!

Machu Pichu – sem dúvida

 

Restaurantes:

Chicha

Cicciolina  – famoso pelos drinks

Limo – bem na praça, fomos duas vezes de tão bom!

  

Dicas em Lima:

Passeie pela parte colonial e Plaza de las Armas, os bairros de Miraflores e San Isidro

Museo Larco Herrera – interessante coleção de cerâmica, têxteis e orfebrería, especialmente das culturas do norte do Peru.

Fontes de Aguas (vá a noite pois a iluminação é deslumbrante!)

Ainda: Passeie pela  Ruínas de Pachacamac – experiência de arqueologia e misticismo.

Restaurantes

Huaca Pucllana – restaurante a beira de ruínas. Jantar inesquecível em termos de vista

Pescados Capitales – engraçadinho e com um belo pisco

Cevicheria La Mar – ambiente cool, ceviches deliciosas e variadas. Meu preferido.

Em resumo? Gosta de um pouco de místicismo e sabores diferentes? De comer? Peru és esquisito: gente simpática y a comida sin igual!

Leia mais

Gastronomia

Xian: vista, atendimento e sabor

Por em 12 de janeiro de 2018

O Xian tem de tudo e vai ficar na memória. Ambiente grandioso e elegante.

Garçom de extrema simpatia e atenção, nos trouxe inicialmente edamame com flor de sal e um donut de sushi.

Pedimos então o dumpling de camarão e um ussuzuri de salão Thai com pimenta dedo de moça e leite de côco inesquecíveis (top na lista).

Para o molho do salmão (foto) chegamos a pedir uma colher pois a combinação do azedinho e temperos especiais deu aquela sensação de prazer espiritual!!!!

Poke bowl muito bom.

De sobremesa, dividimos um kir royal só para ficar um pouco vendo a vista do bar.

Com um clima novaiorquino, vale investir em conhecer o restaurante.

Preço médio de pratos de R$40 entradas e R$65 para os principais.

Leia mais

Detox

Como era bom o Meu Detox….

Por em 11 de janeiro de 2018

Existem muitas opções de sucos verdes, detox e saudáveis na moda. Eu realmente acho bem saboroso e pode fazer a função de café/lanche ou aquele “cura ressaca” básico.

Buscando selecionar alguns que acho que vale mencionar, fica aqui minha dica se não conseguir um feito na hora fresquinho:

Carioca da Terra– Se você quer fazer uma dieta líquida, recomendo muito o Carioca da Terra cujo kit de entrega em casa tem nomes e sabores encantadores. Você adiciona água e mistura com as bolinhas congeladas e toma em qualquer lugar! Acho incrível.

Green People – Inovou no mercado e conquistou a todos com os produtos. O único contra é no orçamento.

Naked – dos EUA tem um sabor e uma força que você realmente se sente mais enérgico e regenerado após toma-lo. Só observe que dependendo do suco a caloria é bem variada….

Natural One – com capim Santo, gengibre, limão, espinafre e couve e só 25kcal é uma opção primorosa. Tem de maracujá também um pouco mais calórica. 

Starbucks – ADORO. Não sei se é muito saudável, mas o gostinho me mata a vontade de doce e acho uma delícia! Já estive meio viciadinha até.

Suco Do Bem –  Detox Monstro também tem seus momentos….

Sinceramente, sinto uma saudade do Juice & Co….

Agora, se tiver um pouco mais de ousadia, vá no Imaculada e prove a Caipi Detox que vem com a feijoada aos sábados. Genial!!!

 

Leia mais