Sem categoria

Focaccia caseira

Por em 5 de fevereiro de 2021

Receita de Focaccia Caseira do @jusfoodiary

In English at @jusfoodiary

Ingredientes e preparo para a esponja:

.

. 100g de farinha de trigo para pão, ou farinha com fermento

1 sachet de 10g de fermento seco  para pão.

100ml de água morna

1/2 colher de chá de açúcar

Misture!

Cubra!

Deixe descansar por 1 hora.

.

Ingredientes e preparo:

.

Numa bacia coloque:

400g  de farinha  de trigo para pão, ou com fermento.

1/2 colher de sopa de sal

20ml de azeite de oliva extra virgem

Acrescente a esponja e vá colocando 300ml de água morna devagar.

Misture.

Forme uma bola.

A massa eh mais mole.

Cubra.

Aguarde 5 minutos.

.

  Descubra a massa, molhe as pontas dos dedos. Faça 4 dobras, esticando as extremidades/ formato de envelope de 4 pontas.

Cubra.

Aguarde 5 minutos.

Repita esse processo, mais 3 vezes, a cada 5 minutos/ total 20 minutos.

Cubra e deixe crescer/ 1 hora.

.

  Pre aqueça o forno em 200C/ 20 minutos. Unte 1 tabuleiro de 30X20cm com. Espalhe a massa sobre ele. Coloque 1 colher de sopa de azeite sobre ela.

Asse por 15 minutos.

Mais detalhes em https://www.instagram.com/p/CFDwO9wAxEp/?igshid=h41gtrj9p4pk

Leia mais

Sem categoria

Receita de torta bancos

Por em 31 de janeiro de 2021

TORTA BANOFFE

Ingredientes:
• 400 g de doce de leite pronto de boa qualidade
• (Opte por um que seja bem consistente ou feito do leite condensado)
• 5 bananas cortadas em rodelas
• 400 g de nata ou opção chantilly batido
• 2 pacotes de biscoito maizena triturado
• 200 g de margarina culinária
• 1 colher de chá de canela em pó ou raspas de chocolate amargo para polvilhar
• 1 barra /1 barra e meia de chocolate amargo

Modo de preparo:
Primeiro triture o biscoito maizena. (Pode ser no liquidificador mesmo). Até ficar bem fino. Como uma farinha. Quando ficar com consistência bem fina misture com a manteiga derretida até parecer uma areia úmida.
Leve a farofa para uma forma de fundo falso e vá moldando.
Guarde a forma um tempo no congelador e logo após leve rapidinho ao forno pra dar uma firmada na consistência da massa.
Após retirar do forno, despeje um pouco de chocolate derretido em cima da massa de biscoitos maisena triturados e pincele. É importante colocar o chocolate derretido para que a massa não fique mole ao adicionar o doce de leite.
Coloque o doce de leite (pode ser o feito com leite condensado mesmo).
Em seguida, após colocar uma boa quantidade de doce de leite na massa, faça uma camada com as rodelas de banana e por cima coloque a nata ou chantilly batido.
Para finalizar polvilhe canela ou raspas de chocolate.

Observação: As medidas podem ser adequadas ao tamanho da forma que será utilizada.
Essa receita foi realizada em forma redonda. Tamanho aproximado de 30 cm.

Leia mais

Sem categoria

Receitas Chupe de Camarones e Pastel de Choclo

Por em

Chupe de camarones:
Versão chilena (com algumas adaptações) do prato também famoso no Peru. Faça um caldo de cascas de camarão com legumes (cebola, cenoura, alho-poró, tomilho e louro), refogando os ingredientes e depois deixando cozinhar por 1h em pouca água (se a panela for grande, coloque cerca de 1/4 dela de água, além dos ingredientes). Leve o caldo coado ao liquidificador e bata com um pouco de leite e 2 pães de forma. Em outra panela, refogue cebola e pimenta-dedo-de-moça bem picadas e acrescente camarões descascados (aqui em casa, nosso amigo e chef Alfredo Divani aproveitou para colocar também carne de caranguejo desfiada! Beleza pura!). Após dourá-los rapidamente, adicione o caldo batido e umas duas colheres de sopa de queijo parmesão fresco ralado na hora. Após misturar, coloque mais uma camada de queijo ralado fresco por cima do caldo e leve ao forno muito alto para gratinar. Quando a superfície estiver dourada, sirva.

Receitas de Alfredo Divani – Bellarobba productions

Pastel de choclo (uma espécie de “escondidinho dos Andes”):
Refogue carne moída com cebola, páprica doce, páprica picante (cuidado para não ficar ardido demais!), orégano, cominho, passas e sal. Quando estiver pronto, acrescente pedaços de ovos cozidos. Cubra o fundo de uma travessa com essa mistura. Por cima, cubra com creme de milho verde. Para fazê-lo, debulhe o milho, bata os grãos crus no processador e cozinhe até ganhar coloração bem amarela, por uma meia hora.

Leia mais

Sem categoria

Receita de frango agridoce

Por em

Frango agridoce:
Essa receita pode ser feita com vários tipos de carnes e vegetais diferentes. Fizemos com 500g de frango cortado em cubos, 2 cebolas grandes, 1 pimentão amarelo, 1 cenoura, ervilhas frescas na vagem, 4 pimentas-de-cheiro, 3 dentes de alho e 1 colher de sopa gengibre ralado. Modo de fazer: passe os cubos de frango em amido de milho. Em uma frigideira grande bem quente (preferencialmente um wok), cubra o fundo com óleo (apenas o fundo, não precisa encher) e acrescente o frango, as cebolas, o pimentão amarelo e as ervilhas cortados em pedaços grandes, a cenoura cortada em fatias finas, a pimenta-de-cheiro picada grosseiramente, o alho e o gengibre ralados e sal a gosto. Após dourar, acrescente açúcar (o suficiente para fazer uma camada fina sobre a superfície dos vegetais na frigideira) e misture até começar a caramelizar. Nesse ponto, acrescente vinagre de maçã e ketchup de boa qualidade e misture mais alguns minutos, até os ingredientes do molho se integrarem, ganhando aparência de calda e coloração rosada.
Para acompanhar: aqueça uma panela com um pouco de óleo, acrescente cebolinha picada grosseiramente, deixe fritar 1 minuto, coloque arroz já cozido e ovo mexido bem passado em pedaços pequenos. Misture tudo até aquecer bem o arroz e sirva.

Leia mais

Sem categoria

Receita Mousse de Limão

Por em 22 de janeiro de 2021

Receita Pudim de Limão que não vai no forno (Rose Bessa)

INGREDIENTES:
1 envelope de gelatina em pó sem sabor
½ xícara de chá de suco de limão coado
1 lata de leite condensado
5 colheres de sopa de água quente para hidratar a gelatina
2 caixas de creme de leite (400gr)
Raspas de limão a gosto

MODO DE PREPARO:
Em uma xícara, junte a água quente e a gelatina sem sabor. Mexa bem até dissolver tudo. Reserve.
Em seguida, coloque no liquidificador o leite condensado, o creme de leite, o suco de limão e a gelatina dissolvida.
Bata tudo por cerca de 2 minutos ou até que fique bem homogêneo.
Despeje essa mistura numa forma levemente untada com óleo. (O óleo não vai passar gosto para o seu pudim de limão).
Leve à geladeira e deixe por 4 horas ou até firmar.
Desenforme e, se preferir, decore com raspas de limão.

Leia mais

Sem categoria

Nova Colaboradora – Ceará

Por em 21 de janeiro de 2021

Nem só de uma andorinha se faz verão.

Vocês já sabem que a minha super prima Júlia e Maridão sempre apoiam o blog e tenho a alegria em dividir com vocês mais uma colaboradora:

Flávia Lehmann é professora, carioca, mora no Ceará e adora programas infantis, bons vinhos e receitas.

Colabora com o blog com receitas e dicas de passeios e apoiando como um todo.

Depois de 5 anos no “Back office” ela passa a ser colaboradora oficial. Feliz de acrescentar ao time!

Leia mais

Sem categoria

Ilha Grande na Quarentena

Por em 17 de janeiro de 2021

Passamos de segunda a sexta em Ilha Grande.

Optamos por uma praia mais remota, Praia do Coqueiro perto de Araçatiba (bem menos movimentada e com menos opções do que Abraão) passeio só de lancha com máscara, álcool em gel e nenhum lugar lotado.

Foi incrível para reenergizar.

Ficamos numa pousada que se propõe a ser simples e gostosinha. O chalé é bem grande, com uma cama de casal e uma de solteiro, vista incrível, ventilador, mesa de jantar, geladeira e biblioteca (não tem televisão).

Oferece café da manhã fartíssimo, opções de moqueca para almoço e jantar à mesa à vontade com preço fico por pessoa (um prato ou variações por dia). Gostamos bastante da Mar de Sonhos e da receptividade recebida.

Obs: tem uma subida de escada grande entre a praia e pousada.

Aí, ficamos aproveitando o bar e restaurante da Casa da Ilha na praia. Boas Caipiras, mas toca uma música lounge bastante constante durante a tarde e houve quem na praia reclamou um pouco. Tirando na segunda-feira que estava realmente muito alto, achei gostosinho.

Para vir de Angra para a Ilha, há  indicação de lancha/traslado que também faz passeios pela ilha que passou muita segurança e protocolo. Conhecemos Aventureiro e Parnaioca  e voltamos a Dois Rios e Lopes Mendes. Lancha com metade da ocupação.

Conhecemos também a Praia do Longo onde fomos à cachoeira e comemos ostras e coquilles saint jacques saídas da água e deliciosas em ambiente total pé na areia e mesa de plástico, comemos também um caldo de mandioquinha com camarões na Praia Vermelha delicioso por indicação da pousada.

Praias mais distantes e menos movimentadas ofereceram férias simples e simplesmente o que precisávamos. Comida boa, sol, mar, vento e detox.

Quero voltar com as crianças!

Leia mais

Sem categoria

Campos de JORDAO com Crianças

Por em

 

 

Não da para vir para Campos de Jordão sem visitar alguns queridinhos. Fotos marcadas – temos vindo muito pois achamos uma casinha para alugar deliciosa! Vídeos sobre tudo também em especiais!

Donna Pinha em Santo Antônio do Pinhal – sou apaixonada pela delicadeza  da Chef Anouk e os variados festivais.

  • Em Santo Antônio, aproveitando e passando no Bodega para reestocar a leva de cachaça (você pode provar à vontade mais de 20 tipos);
  • As coxinhas de costela e música ao vivo da Casa Petrópolis são deliciosas!
  • Dona Chica no Parque Horto depois de uma cachoeira;
  • Alto da Brasa no Parque da Cerveja para quem curte uma cerveja e ambiente bonito.
  • Se com crianças, a visita ao Tarundu (passaporte para todos os brinquedos custa R$ 245 reais)
  • Para lanche, a vista e os paninis do Estação Toriba em um antigo trem é demais para um por do sol ou almoço (até 17hs)

Para passear:

  • Roda gigante e teleférico para o morro dos elefantes em Capivari (R$ 35)
  • Fazendinha Toriba – bichinhos variados e comidinha gostosa para passar o dia ( mais para crianças menores)
  • Queremos fazer uma trilha gourmet e contar para vocês!

Novas descobertas:

  • 2858 Avenue Bistro – sobremesas incríveis e comida também gostosa
  • San Soucis (sem preocupações) um café cheio de bossa – post amanhã !

A casa alugada tem 4 quartos (3 suítes) sala de estar com lareira, sala de jantar integrada na estar, cozinha e copa, lavabo e quintal. Mais informações: @reilacriscia

Leia mais

Sem categoria

Potterheads Ativar

Por em 13 de dezembro de 2020

Duas dicas para quem é fã de Harry Potter:

Griffinoria Café e Afins – ambiente de café temático, com direito a fotos vestida, chapéu seletor, drinks/poções e sapinho de chocolate

Vassoura Quebrada – hamburgueria temática com drinks/poções

Precisa reservar e não é fácil, mas foi super divertido – as crianças (de todas as idades) vão amar.

Grifinnória Café Afins

R. Campo Grande, 417 – Alto da Lapa, São Paulo – SP, 05302-050

3a-6a  de 12-19:30hs

Sab de 12-20hs

Dom de 12-17hs

Vassoura Quebrada

Rua desembargador do Vale, 836, Perdizes

https://www.vassouraquebrada.com.br/

3a-4a 17:30-21:30

  • 5a-Dom 12-15 e 17:30-21:30

Leia mais

Sem categoria

FARTURA – Andrea d’Egmont

Por em 11 de dezembro de 2020

FARTURA – Colunista Convidada Andrea d”Fartura poderia ser sinônimo de Brasil – é essa a sensação que tenho quando observo o tamanho, a diversidade e a riqueza deste país de dimensões continentais, de natureza única e com tanta gente bacana. Nosso Brasil está precisando de fartura, fartura de esperança, de alegria, de harmonia e de amor.

Foi o brilho desse tipo de fartura que senti no clima dos preparativos para o Festival Fartura Gastronomia Du Brasil, que acontecerá on- line, presencialmente e simultaneamente em todas as regiões do país entre os dias 11 e 13 de dezembro.

Trinta chefs se deslocaram de seus restaurantes de diferentes pontos do país para um encontro gastronômico em clima de festa e maratona para tornar possível o festival, que tem ênfase na valorização da qualidade dos ingredientes, nos seus produtores e na preservação de regionalismos.

A emoção de estarem juntos cozinhando, criando e preparando pratos, depois de oito meses praticamente isolados e preocupados com seus restaurantes, foi o ingrediente principal dos quinze menus especiais feitos em dupla pelos chefs Rodrigo Oliveira (SP) e Thiago Castanho (PA); Janaína Rueda (SP) e Flávio Trombino (MG); Morena Leite (SP) e Vico Crocco (RS); Saulo Jennings (PA) e Caio Soter (MG); Matheus Paratella (MG) e Ronny Peterson (DF); Caetano Sobrinho (MG) e Eduardo Campelo (CE); Marise Rache (MG) e Marcelo Gonçalves (RS); Paulo Anijar (PA) e Thiago Paraíso (DF); Eliana Ferreira (PA) e Ivan Prado (CE); Daniela Martins (PA) e Marcelo Schambeck (RS); Diego Badra (DF) e Marco Gil (CE); Rosario Tessier (DF) e Natalia Tussi (RS); Marcelo Petrarca (DF) e Mara Salles (SP); Felipe Viana (CE) e Carlos Kristensen (RS); Van Régia (CE) e Manuelle Ferraz (SP).

As filmagens, o preparo de refeições solidárias e grande parte da produção do festival aconteceram em Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, estado conhecido por ter um povo hospitaleiro e criativo, que preserva sua história, aprecia uma prosa gostosa, tem orgulho de suas montanhas tanto quanto de sua culinária, de seu café, dos seus queijos, de sua goiabada cremosa e pedaçuda e de seu porquinho à pururuca, suculento e crocante. A cozinha e a mesa são lugares especiais para o mineiro e estão abertas para os amigos, e vão muito além de suas tradições.
Foram necessários um cuidadoso esquema estratégico e uma tropa enorme para produzir o Fartura durante essa pandemia, que insiste em ameaçar e levar embora a alegria. Produtores, médicos, cozinheiros assistentes e uma equipe enorme cuidaram de tudo para tranquilizar os talentosos chefs de cozinha de todo o Brasil que participaram dessa espécie de gincana, que incluía, além do preparo de refeições solidárias e menus especiais, a gravação de aulas e entrevistas. Os menus foram preparados em duplas e revelam um Brasil gastronomicamente criativo, rico e saboroso.
Tudo graças ao destemido empresário mineiro Rodrigo Ferraz, diretor da Plataforma Fartura, que juntou suas experiências em eventos, expedições e festivais como o Festival Cultural e Gastronômico de Tiradentes e as expedições Fartura pelo Brasil e desenvolveu o Festival Fartura Gastronomia Du Brasil.

FESTIVAL FARTURA GASTRONOMIA DU BRASIL

MENU 1 – Rodrigo Oliveira e Thiago Castanho
Ingredientes: pamonha (Rodrigo) e mandioca (Thiago)

Entrada: Pamonha de arroz com moqueca de caranguejo
Prato principal: Carne de sol de porco, cozido de feijão-manteiguinha e farofa de farinha-d’água com rapadura e limão
Sobremesa: Cartola de Engenho – banana assada, requeijão, farofa de canela

MENU 2 – Janaína Rueda e Flávio Trombino
Ingredientes: banana (Janaína) e jabuticaba (Flávio)

Entrada: Polpeta da vó Felícia
Prato principal: Frango com quiabo e tartar de banana
Sobremesa: Bananada split com compota de jabuticaba

MENU 3 – Morena Leite e Vico Crocco
Ingredientes: banana (Morena) e azeite (Vico)

Entrada: Polvo grelhado com ervas, batata gaita assada no azeite, com salada de minifolhas de beterraba e dressing de limão
Prato principal: Pirarucu confitado no azeite e amburana com renda crocante de batata-baroa (mandioquinha), molho de castanha-de-caju com abobrinha
Sobremesa: Banoffee com farofa de pecã com óleo de coco

MENU 4 – Saulo Jennings e Caio Soter
Ingredientes: mandioca (Saulo) e jabuticaba (Caio)

Entrada: Bolinho de piracuí e de porco com geleia de jabuticaba picante
Prato principal: Pirarucu com glace de frango, barriga no melado de jabuticaba, purê de mandioca e mandioca crocante
Sobremesa: Bolo de macaxeira com calda e compota de jabuticaba e picles de beterraba servido com gelato de jabuticaba

MENU 5 – Matheus Paratella (MG) e Ronny Peterson (DF)
Ingredientes: jabuticaba (Matheus) e baru (Rony)

Entrada: Salmão marinado, creme de batata-doce roxa com pequi, farofa de baru com espinafre e mostarda em grãos
Prato principal: Agnollotti de polvo in nero, crocante de baru e jabuticaba, finalizado com creme de limão-siciliano.
Sobremesa: Panna “não cotta” de jabuticaba e texturas da própria.

MENU 6 – Caetano Sobrinho (MG) e Eduardo Campelo (CE)
Ingredientes: jabuticaba (Caetano) e rapadura (Eduardo)

Entrada: Mil-folhas de tapioca com camarão e abóbora, com calda de rapadura e pimenta
Prato principal: Mignon de porco grelhado, com tropeiro de cuscuz e vinagrete de milho tostado
Sobremesa: Cheesecake de queijo minas com jabuticaba

MENU 7 – Marise Rache (MG) e Marcelo Gonçalves (RS)
Ingredientes: jabuticaba (Marise) e azeite (Marcelo)

Entrada: Pasteizinhos de queijo de minas meia cura e chutney de jabuticaba
Prato principal: Barriga de porco crocante, purê de moranga, com farofa e jabuticaba confitada no azeite
Sobremesa: Creme brûlée com banana, doce de leite e gengibre.

MENU 8 – Paulo Anijar (PA) e Thiago Paraíso (DF)
Ingredientes: mandioca (Paulo) e baru (Thiago)

Entrada: Rolinho crocante de pato e jambu, com geleia de tucupi
Prato principal: Filhote grelhado com molho de pimentões, pirãozinho de peixe e legumes tostados
Sobremesa: Creme de chicória com praline de baru, sorvete de baunilha do Cerrado e bolo de fubá

MENU 9 – Eliana Ferreira (PA) e Ivan Prado (CE)
Ingredientes: mandioca (Eliana) e rapadura (Ivan)

Entrada: Bolinho de pirarucu com maionese de pimenta-de-cheiro grelhada com rapadura
Prato principal: Filhote em crosta de castanha, tucupi, pirão e macaxeira frita
Sobremesa: Sorvete de cupuaçu, brigadeiro de cumaru e crumble de rapadura

MENU 10 – Daniela Martins (PA) e Marcelo Schambeck (RS)
Ingredientes: mandioca (Daniela) e azeite (Marcelo)

Entrada: Creme de camarão com tapioca e azeite aromatizado com tucupi.
Prato principal: Costela laqueada com tucupi negro, farofa de biju e cenoura caramelizada
Sobremesa: Torta de chocolate, calda de butiá e suspiro de chimarrão.

MENU 11 – Diego Badra (DF) e Marco Gil (CE)
Ingredientes: baru (Diego) e rapadura (Marco)

Entrada: Musse de fígado de frango caipira com gelatina de café e rapadura.
Prato principal: Camarão grelhado, angu de milho verde, picles de caju e castanha de pequi.
Sobremesa: Chocolate, baru e alho negro – sorvete de chocolate 75%, ganache, paçoca de baru, purê de alho negro e musse de chocolate desidratada.

MENU 12 – Rosario Tessier (DF) e Natalia Tussi (RS)
Ingredientes: baru (Rosario) e azeite (Natalia)

Entrada: Burrata, pesto de baru, tomates confit e pão de fermentação natural
Prato principal: Arroz camponês – arroz caldoso, com ragu bovino e crocante de baru
Sobremesa: Torta de chocolate com creme de nata e limão

MENU 13 – Marcelo Petrarca (DF) e Mara Salles (SP)
Ingredientes: baru (Maracelo) e banana (Mara)

Entrada: Ceviche de lula com patacones de banana e leite de tigre
Prato principal: Arroz com feijão e costelinha suína confitada
Sobremesa: Romeu e julieta com farofa de castanha de baru

MENU 14 – Felipe Viana (CE) e Carlos Kristensen (RS)
Ingredientes: rapadura (Felipe) e azeite (Carlos)

Entrada: Crudo de atum, melancia prensada, azeite de salsão e picles de pepino
Prato principal: Costelinha de porco assada, molho demi de rapadura, farofinha e legumes confitados em azeite de ervas
Sobremesa: Crostata de chocolate meio amargo com castanhas caramelizadas na rapadura

MENU 15 – Van Régia (CE) e Manuelle Ferraz (SP)
Ingredientes: rapadura (Van) e banana (Manuelle)

  • Entrada: Bolinho de feijão-de-corda, recheado com charque, empanado com farinha de mandioca e regado de melaço de cana
    Prato principal: Carne de sol au poivre de pimenta-de-cheiro, mandioca corada e agrião
    Sobremesa: Creme brûlée de banana

Leia mais